terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Ministério da Sáude alerta jovens para prevenção contra a Aids

Há tendência de aumento nos casos envolvendo pessoas de 17 a 20 anos de idade Ministério da Saúde informou ontem, que deve aumentar os casos de Aids entre os jovens. Um levantamento feito com 35 mil pessoas de 17 a 20 anos revelou um aumento de 0,09% para 0,12%, nos casos em cinco anos. No Brasil, 630 mil pessoas estão infectadas com o vírus HIV. Desse total, cerca de 230 mil ainda não sabem que são soropositivos
A pesquisa mostrou ainda que 97% dos jovens de 15 a 24 anos de idade reconhecem o preservativo como uma forma eficaz de evitar a infecção pelo vírus HIV. Mas o uso da camisinha na primeira relação sexual avançou relativamente pouco, de 52,8%, em 1998, para 60,9% em 2008.

Segundo o diretor do Departamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) e Aids do Ministério da Saúde, Dirceu Greco, apesar de terem mais informação, à medida que a parceria sexual se torna estável, o jovem tem deixado de usar o preservativo.

"O preservativo tem de fazer parte da nossa vida porque o HIV/Aids não é a única doença que pode ser transmitida. Tem hepatite, sífilis, afirmou Greco. O Ministério da Saúde informou ainda que foi registrada queda de 44,4% na incidência de casos de Aids em crianças menores de 5 anos, entre 1999 e 2009.

QUALIDADE DE VIDA

Para o governo, esse dado é resultado das ações para reduzir a transmissão vertical da doença. Tem vários locais onde a transmissão da mãe para o filho desapareceu com tratamento adequado. Estamos buscando também diagnósticos mais precoces, acesso a tratamento e melhor qualidade de vida?, afirmou o diretor do Ministério da Saúde.

O diretor do Ministério da Saúde afirmou ainda que a abordagem sobre a doença nos meios de comunicação diminuiu, o que leva as pessoas a terem uma falsa sensação de que o risco desapareceu. Segundo ele, o foco da campanha do governo federal contra HIV/Aids deste ano é o preconceito. O objetivo é mostrar pessoas vivendo com a doença. Dados do ministério também mostram elevação no número de casos novos e na incidência da Aids. De 2008 para 2009, a quantidade de casos novos saiu de 37,465 mil para 38,538 mil. 

SAIBA+

O governo estima que, atualmente, 630 mil pessoas estejam infectadas com o vírus HIV em todo o País. Desse total, cerca de 230 mil ainda não sabem que são portadores da doença, de acordo com o Ministério da Saúde.

Os números do governo mostram ainda que cerca de 11 mil pessoas morrem por ano, vítimas da Aids. O Sistema Único de Saúde distribui 20 medicamentos diferentes para cerca de 200 mil pessoas. Segundo o ministério, foi triplicada a oferta de testes rápidos para agilizar diagnóstico da doença.

Fonte: Jornal de Brasília

Um comentário:

  1. Olá, blogueiro (a),
    Salvar vidas por meio da palavra. Isso é possível.
    Participe da Campanha Nacional de Doação de Órgãos. Divulgue a importância do ato de doar. Para ser doador de órgãos, basta conversar com sua família e deixar clara a sua vontade. Não é preciso deixar nada por escrito, em nenhum documento.
    Acesse www.doevida.com.br e saiba mais.
    Para obter material de divulgação, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br
    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde
    Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/minsaude

    ResponderExcluir

Postagens Recentes